Política

Prefeito atual e eleito de Selvíria foram cassados pela Justiça

No município de Selvíria, distante a 404 km de Campo Grande, foram cassados o prefeito eleito Jaime Soares Ferreira (PMN), seu vice, Gilson Alves de Souza (PDT) e, ainda, o atual prefeito, José Dodô da Rocha (PTB). A decisão aconteceu na terça-feira (16) e foi proferida pela juíza Rosângela Alves de Lima Fávero, da 9ª […]

Arquivo Publicado em 17/10/2012, às 09h45

None
1559631832.jpg

No município de Selvíria, distante a 404 km de Campo Grande, foram cassados o prefeito eleito Jaime Soares Ferreira (PMN), seu vice, Gilson Alves de Souza (PDT) e, ainda, o atual prefeito, José Dodô da Rocha (PTB). A decisão aconteceu na terça-feira (16) e foi proferida pela juíza Rosângela Alves de Lima Fávero, da 9ª zona eleitoral de Três Lagoas.


Segundo denúncia, houve abuso do poder econômico, sufrágio de votos, contratação de servidores comissionados para trabalhar na campanha e, além disso, ãlguns dados não foram apresentados na prestação de contas.


Devido a isso, a juíza determinou a cassação e a inelegibilidade por oito anos dos dois candidatos e do atual prefeito. Este último, poderá terminar seu mandato, mas está impedido de disputas as próximas eleições.


Eleito por 2.350 dos votos válidos, o que representa 49,80% do eleitorado, Jaime ficou a frente do segundo colocado, Adalberto Aparecido kauás (PT), por 404 votos.


Jornal Midiamax