Política

Inspirada no mensalão, Justiça afasta 2 vereadores no Paraná

Inspirada no julgamento do mensalão, a Justiça do Paraná determinou o afastamento de dois vereadores que, de acordo com o Ministério Público (MP), estava impedindo a instalação de uma CPI para investigar pagamento de propinana prefeitura de Cascavel, no interio do Estado. Foram afastados na segunda-feira Marcos Damasceno (PDT) e Paulo Bebber (PR), presidente e […]

Arquivo Publicado em 13/09/2012, às 20h54

None

Inspirada no julgamento do mensalão, a Justiça do Paraná determinou o afastamento de dois vereadores que, de acordo com o Ministério Público (MP), estava impedindo a instalação de uma CPI para investigar pagamento de propinana prefeitura de Cascavel, no interio do Estado. Foram afastados na segunda-feira Marcos Damasceno (PDT) e Paulo Bebber (PR), presidente e vice da Câmara Municipal.


A denúncia do MP apontava que os dois fizeram manobras para evitar a instalação da CPI para investigar denúncias de que o prefeito, Edgar Bueno (PDT), e o secretário de Obras Públicas, Paulo Gorski, receberam propina de uma empresa responsável pela manutenção de máquinas da prefeitura. Conforme o MP, a direção da Câmara invalidou a assinatura de uma vereadora e criou outras duas comissões paralelas. Pela Lei Orgânica do município, apenas duas CPIs podem funcionar ao mesmo tempo.

Jornal Midiamax