Política

DATAmax aponta vitória de Bernal com 66%

A um dia da eleição, percentuais de eleitores indecisos e ou que podem mudar são insuficiente para alterar a projeção do resultado

Arquivo Publicado em 27/10/2012, às 13h50

None
110173023.jpg

A um dia da eleição, percentuais de eleitores indecisos e ou que podem mudar são insuficiente para alterar a projeção do resultado

A um dia da eleição no segundo turno em Campo Grande, a terceira rodada da pesquisa DATAmax, encomendada pelo Midiamax, revela que o candidato do PP, Alcides Bernal, mantém folgada margem sobre seu concorrente, o candidato do PMDB, Edson Giroto.

Considerando o levantamento estimulado com projeção de votos válidos, o DATAmax aponta que Bernal deve ser eleito com 66,06% dos votos. Já Edson Giroto registra 33,94% das intenções de votos. Os votos válidos não levam em conta o percentual de votos em branco e nulo.

Na pesquisa estimulada, considerando os votos brancos e nulos, Bernal é o preferido de 58,95% dos entrevistados, contra 30,29% de Giroto. Entre os entrevistados, 7,62% se declararam indecisos e 3,14% declararam que vão anular ou votarão em branco.

Na primeira pesquisa com os votos válidos Bernal tinha 68,95%, passou para 68,92% e agora tem 66,06%. Edson Giroto tinha 31,06%, passou para 31,08% e agora tem 33,94%. A oscilação dos candidatos entre uma pesquisa e outra está na margem de erro, que é de 3,0% para mais ou para menos.

O DATAmax ouviu 1050 eleitores entre os dias 22 e 26 de outubro de 2012. O grau de confiança é de 95%. O levantamento foi contratado pelo Midiamax e está registrado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) com o número MS-390/2012.

Jornal Midiamax