Política

Bernal diz que Puccinelli ‘não é dono do Estado’ e precisa atuar pelos municípios

Alvo de vários ataques na campanha eleitoral, o prefeito eleito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), quer deixar no passado as rixas políticas com uma atuação republicana e institucional com o governador André Puccinelli (PMDB). Ele disse ainda esperar do chefe do Executivo o cumprimento de suas obrigações. “O governador do Estado não pode virar […]

Arquivo Publicado em 29/10/2012, às 19h58

None

Alvo de vários ataques na campanha eleitoral, o prefeito eleito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), quer deixar no passado as rixas políticas com uma atuação republicana e institucional com o governador André Puccinelli (PMDB). Ele disse ainda esperar do chefe do Executivo o cumprimento de suas obrigações.


“O governador do Estado não pode virar as costas para Campo Grande, não pode virar as costas para o povo. Agora, eu tenho um bom relacionamento com o Governo Federal e o André Puccinelli não é o dono do Estado, da máquina pública, ele é um servidor, eleitor para gerir o Estado e o Estado é composto de municípios, as famílias vivem nos municípios”, frisou.


Para Bernal, os detentores de mandato têm “compromisso de trabalhar pela nossa gente e o governador tem esse compromisso”. “Ele agindo dessa maneira contará com certeza com o nosso respeito e vamos trabalhar juntos. Se ele não agir dessa maneira, eu lamento muito e eu não vou ficar parado esperando ele fazer a parte dele. A população acompanhará de perto e fará seu julgamento”, frisou.

Jornal Midiamax