Política

Mandato de Marun vira “refém” de Puccinelli

O deputado estadual reeleito Carlos Marum, do PMDB, disse que é intenção sua em cumprir o mandato de quatro anos, mas esse desejo depende dos planos políticos do governador André Puccinelli, também peemedebista, que o quer no comando da secretaria estadual de Habitação e das Cidades.

Arquivo Publicado em 01/02/2011, às 14h10

None

O deputado estadual reeleito Carlos Marum, do PMDB, disse que é intenção sua em cumprir o mandato de quatro anos, mas esse desejo depende dos planos políticos do governador André Puccinelli, também peemedebista, que o quer no comando da secretaria estadual de Habitação e das Cidades.

O deputado estadual reeleito Carlos Marum, do PMDB, disse que é intenção sua em cumprir o mandato de quatro anos, mas esse desejo depende dos planos políticos do governador André Puccinelli, também peemedebista, que o quer no comando da secretaria estadual de Habitação e das Cidades.

Marum disse que deve ficar na Assembleia Legislativa ao menos por um mês. Já na primeira quinzena de março, Puccinelli o convocou para debater o assunto. No primeiro mandato de Puccinelli, Marum, que havia sido eleito deputado, renunciou a vaga para chefiar a secretaria de Habitação.

Hoje, a pasta é comandada por Mirna Estela Arce Torres. Caso Marum retorne à secretaria, sua vaga fica com Rinaldo Modesto, do PSDB, primeiro suplente da coligação que uniu PMDB e PSDB.

Contudo, há uma discussão judicial que envolve a disputa pela suplência. Existe uma corrente de juristas que defende a ideia de que a suplência deve ser ocupada pelo partido, não pelo político. No caso, a vaga de Marun pertenceria ao ex-deputado Youssif Domingos, ex-lider do governo na Assembleia, que ficou com a segunda suplência na eleição de outubro passado.

Jornal Midiamax