Política

Rapaz que deu sapatada em vereador ganha agora um par de tênis

O ato do auxiliar administrativo Adailton Castro de Souza em atirar um sapato na cabeça do vereador Aurélio Bonato (PDT) na última quinta-feira não tem aprovação unanime em Dourados Adailton chegou a ser presenteado com um novo par de sapatos pelo advogado Jean Davi e ganhou notoriedade na mídia nacional sendo entrevistado pela maioria dos […]

Arquivo Publicado em 12/09/2010, às 19h46

None

O ato do auxiliar administrativo Adailton Castro de Souza em atirar um sapato na cabeça do vereador Aurélio Bonato (PDT) na última quinta-feira não tem aprovação unanime em Dourados

Adailton chegou a ser presenteado com um novo par de sapatos pelo advogado Jean Davi e ganhou notoriedade na mídia nacional sendo entrevistado pela maioria dos grandes órgãos de comunicação do País.

No início da tarde de sábado, Adailton recebeu em sua casa no Jardim Monte Líbano a visita do jornalista Karlos Bernardo que lhe presenteou com um par de tênis novos.

Adailton foi aconselhado por Bernardo a não comparecer na sessão da Câmara que será realizada na noite desta segunda-feira. “A sua presença lá Câmara pode conturbar o ambiente”, disse Karlos afirmando que não concorda com a atitude do auxiliar administrativo.

No momento em Karlos entrega o par de tênis Adailton concedia uma entrevista a Rádio Grande FM onde afirmava que estaria presente na sessão de segunda-feira e aproveitava para convidar toda a população para estar presente protestando contra a corrupção.

Bernardo disse que “a sapatada foi um ato de violência e violência gera mais violência”. O jornalista em sua conversa com Adailton disse que o momento é delicado e a presença do autor da sapatada na Câmara pode novamente impedir a realização da sessão.

“Estamos vivendo num país democrático e a violência não faz parte da democracia”, disse o jornalista ao lembrar que se Adailton incitar o povo à violência poderá ser responsabilizado pelos atos cometidos por outras pessoas.

Adailton ficou de pensar sobre o conselho dado pelo jornalista e agradeceu pelo presente recebido. Na opinião de Karlos Bernardo “ninguém pode invadir o espaço de outra pessoa e cometer um ato como a sapatada, pois o diálogo ainda é a melhor solução para se evitar conflitos e mais violência”.

Jornal Midiamax