Política

Justiça eleitoral diz que Midiamax não “ridicularizou” Delcídio

O senador Delcídio do Amaral, candidato à reeleição do PT, moveu outra ação pedindo punição ao Midiamax. Desta vez, o parlamentar questionou até a publicação de uma fotografia sua exibida numa nota que informava sobre liminar obtida no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) numa questão contra o Jornal. “No mais, ainda que o exame não caiba na presente […]

Arquivo Publicado em 20/09/2010, às 22h50

None

O senador Delcídio do Amaral, candidato à reeleição do PT, moveu outra ação pedindo punição ao Midiamax. Desta vez, o parlamentar questionou até a publicação de uma fotografia sua exibida numa nota que informava sobre liminar obtida no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) numa questão contra o Jornal.

“No mais, ainda que o exame não caiba na presente medida recursal, não vislumbro que o candidato tenha sido ridicularizado pelos elementos trazidos ao feito”, escreveu o juiz eleitoral Amaury da Silva Kuklinski num despacho acerca de uma representação do parlamentar contra o portal.

Primeiro o Midiamax foi questionado por ter publicado material que narrava trecho de um histórico que citava o nome do parlamentar. O TRE determinou que o Jornal retirasse o material, o que foi feito. O Jornal noticiou a decisão, mas o senador também contestou o publicado.

Jornal Midiamax