Política

Envolvidos na morte de vereador prestam depoimento no fórum da Capital

Ireneu Maciel, Aparecido Souza Fernandes e Valdemir Vansan e mais oito testemunhas prestam depoimento nesta tarde sobre as circunstâncias do assassinato do vereador de Alcinópolis Carlos Antônio Carneiro. Os três primeiros são acusados de estarem envolvidos na morte de Carlos Carneiro no dia 26 de outubro em frente ao Hotel Vale Verde no Centro da […]

Arquivo Publicado em 14/12/2010, às 17h15

None

Ireneu Maciel, Aparecido Souza Fernandes e Valdemir Vansan e mais oito testemunhas prestam depoimento nesta tarde sobre as circunstâncias do assassinato do vereador de Alcinópolis Carlos Antônio Carneiro.

Os três primeiros são acusados de estarem envolvidos na morte de Carlos Carneiro no dia 26 de outubro em frente ao Hotel Vale Verde no Centro da Capital. Ireneu foi quem atirou no vereador, Aparecido era quem pilotava a moto usada no momento do crime e Valdemir é acusado de ser intermediador entre o mandante e os pistoleiros.

Embora o mandante do crime não tenha sido revelado, os três estão indiciador por homicídio qualificado. Os acusados chegaram ao Tribunal de Justiça escoltados por policiais da guarda e escolta. Eles estão presos no Presídio de Segurança Máxima.

Segundo as investigações, Ireneu chegou a ir em Alcinópolis para executar o crime, mas não o fez por considerar a cidade muito pequena, o crime iria chamar muito a atenção, e de difícil acesso. Alcinópolis fica a 387 Km da Capital e tem 4.500 habitantes.

O promotor responsável pela acusação Douglas dos Santos, ele é auxiliado pelo advogado Ricardo Trad, contratado pela família do vereador Carlos Carneiro para trabalhar na assistência de acusação.

O defensor Hilton Sá e Silva é advogado de Aparecido de Souza Fernandes.

Manifestação

Cerca de 40 pessoas entre amigos, familiares e colegas de trabalho do vereador Carlos Antônio Carneiro, de Alcinópolis, estão no Fórum da Capital para acompanharem a audiência acerca do assassinato dele. Eles fazem uma manifestação silenciosa pedindo justiça no caso da morte de Carlos.

Entre os manifestantes está a viúva Nara Simone Carneiro que foi acompanhada das três filhas do casal, o ex-prefeito de Alcinópolis, Ildomar Carneiro e os vereadores Isamita Alves Leite e Aloisio Pereira também acompanham a audiência.

Todos os manifestantes estão usando camisetas brancas com pedido de justiça e a foto do vereador e faixas com os dizeres do outdoor também foram feitas.

Para Helder Carneiro, irmão do vereador morto diz que “A grande expectativa é que o Valdemir (Vanssan) quando estiver perante o juiz diga quem foi o mandante”, aponta. De acordo com as investigações, Valdemir é apontado como intermediador entre o mandante do crime e os pistoleiros o Ireneu Maciel, que foi visto por policiais da Diretoria Geral da Polícia Civil (DGPC) atirando contra o vereador e Aparecido Souza que pilotava a moto no momento do crime.

Entre outros documentos, o advogado Ricardo Trad que auxilia na acusação, vai apresentar a requisição de passagem em nome do Ireneu com carimbo da assistência social municipal. A requisição de número 00889, emitida em 10 de outubro deste ano.

Testemunhas

Entre as testemunhas chamadas para depois estão o atual prefeito da cidade, Manuel Nunes da Silva, Adilson Rodrigues Costa, Angelo Eduardo Além, Edmilson da Silva, Marciana Maciel, Adenilso Malaquias da Silva, Celso Moreira Silva e Dourivaldo da Conceição.

Ireneu, Valdenir (de muletas) e Aparecido já estão no fórum para a audiência. Todos estão sendo ouvidos pelo juiz de Direito Aluízio Pereira dos Santos, da 2ª Vara do Tribunal do Júri.

(Matéria editada às 14:59 para acréscimo de informações).

Carlos foi assassinado em 26 de outubro passado em frente ao Hotel Vale Verde no Centro da Capital.

Entre os manifestantes está a viúva Nara Simone Carneiro que foi acompanhada das três filhas do casal, o ex-prefeito de Alcinópolis, Ildomar Carneiro e os vereadores Isamita Alves Leite e Aloisio Pereira também acompanham a audiência.

Todos os manifestantes estão usando camisetas brancas com pedido de justiça e a foto do vereador e faixas com os dizeres do outdoor também foram feitas.

Para Helder Carneiro, irmão do vereador morto diz que “A grande expectativa é que o Valdemir (Vanssan) quando estiver perante o juiz diga quem foi o mandante”, aponta. De acordo com as investigações, Valdemir é apontado como intermediador entre o mandante do crime e os pistoleiros o Ireneu Maciel, que foi visto por policiais da Diretoria Geral da Polícia Civil (DGPC) atirando contra o vereador e Aparecido Souza que pilotava a moto no momento do crime.

Entre outros documentos, o advogado Ricardo Trad que auxilia na acusação, vai apresentar a requisição de passagem em nome do Ireneu com carimbo da assistência social municipal. A requisição de número 00889, emitida em 10 de outubro deste ano.

Testemunhas

Entre as testemunhas chamadas para depois estão o atual prefeito da cidade, Manuel Nunes da Silva, Adilson Rodrigues Costa, Angelo Eduardo Além, Edmilson da Silva, Marciana Maciel, Adenilso Malaquias da Silva, Celso Moreira Silva e Dourivaldo da Conceição.

Ireneu, Valdenir (de muletas) e Aparecido já estão no fórum para a audiência. Todos estão sendo ouvidos pelo juiz de Direito Aluízio Pereira dos Santos, da 2ª Vara do Tribunal do Júri.

Jornal Midiamax