Política

Ala dissidente do PMDB articula apoio a Lula

A ala do PMDB contrária à coligação nacional com o PSDB vai se reunir hoje, às 15h, no Hotel Nahoum, em Brasília, para discutir a possibilidade de lançar a proposta de apoio à candidatura de José Inácio Lula da Silva à presidência. A proposta seria lançada na convenção nacional do PMDB, no próximo dia 15. […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

A ala do PMDB contrária à coligação nacional com o PSDB vai se reunir hoje, às 15h, no Hotel Nahoum, em Brasília, para discutir a possibilidade de lançar a proposta de apoio à candidatura de José Inácio Lula da Silva à presidência.

A proposta seria lançada na convenção nacional do PMDB, no próximo dia 15. O grupo, que tem o ex-governador Orestes Quércia (PMDB/SP) como um dos líderes, idealiza a possível indicação do senador Pedro Simon (PMDB-RS) para a vaga de vice de Lula.

Segundo informações divulgadas pela Folha Online, Quércia declarou que o grupo está avaliando o total de votos que pode reunir na convenção nacional do partido, quando as alianças são formalizadas.

O ex-governador paulista afirmou ainda que a proposta já possui o apoio da maioria dos delegados do PMDB no Rio Grande do Sul por conta da possível indicação de Simon. O Estado tem 60 votos e é a terceira maior bancada de convencionais.

A cúpula do partido, liderada pelo presidente nacional do PMDB, deputado Michel Temer (SP), já acertou uma coligação com os tucanos em torno da candidatura de José Serra (PSDB) à Presidência, e indicou a deputada Rita Camata (PMDB/ES) para vice na chapa. A coligação, no entanto, só será oficializada na convenção nacional do partido.

Jornal Midiamax