Christoffer Tavares, de 18 anos, morreu após bater a bicicleta elétrica que conduzia em uma carreta, na BR-376, em Nova Andradina, cidade a 298 quilômetros de Campo Grande, no fim da tarde de segunda-feira (10). 

O jovem foi socorrido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) com graves ferimentos e levado ao Hospital Regional. Porém, ele ficou em estado gravíssimo e precisou ser transferido para Dourados, onde a equipe médica constatou que houve morte cerebral nesta terça (11), segundo o Portal Nova Fogo. 

Christoffer saiu de uma empresa no Parque Industrial, onde buscava uma vaga de emprego e transitava pela BR-376, sentido ao perímetro urbano de Nova Andradina, quando houve a colisão com a carreta. 

O motorista da carreta ficou no local até a chegada da PRF (Polícia Rodoviária Federal) e fez o teste do etilômetro que apontou negativo. 

Informações são de que o rapaz tentou uma vaga de emprego quando era menor em uma indústria. Diante disso, foi prometido a ele que quando completasse a maioridade, poderia retornar na empresa para tentar uma vaga.

Ele completou idade nova no último sábado (8) e na segunda (10) decidiu voltar na empresa para tentar a vaga de trabalho, onde iria passar por um processo seletivo.