Ônibus fica sem freio na subida da Bahia e veículo desgovernado desce rua em horário de pico

Resultou em acidente com três veículos em cruzamento da Rua Bahia
| 03/08/2022
- 21:03
Ônibus fica sem freio na subida da Bahia e veículo desgovernado desce rua em horário de pico
Por sorte, ninguém se machucou no acidente (Foto: Midiamax)

Um micro-ônibus ficou sem freio e desceu em ré desgovernado em trecho íngreme da Rua até colidir contra um semáforo no cruzamento com a Sete de Setembro, região central de Campo Grande, por volta das 19h30 desta quarta-feira (3). Após a colisão do ônibus com o semáforo, houve um entre dois carros de passeio no cruzamento.

O ônibus bateu com a traseira contra o semáforo que impediu que o veículo continuasse descendo. O semáforo parou de funcionar e a fiação elétrica também foi danificada, deixando parte da região próxima sem energia. O ônibus é utilizado para trazer jovens da Aldeia Buriti, região de Dois Irmãos, que estudam em Campo Grande no período noturno. No momento havia uma última aluna que era levada para sua devida instituição de ensino.

O motorista de 28 anos contou que o ônibus ficou sem freio já próximo ao cruzamento da Rua Bahia com a 15 de Novembro, praticamente uma quadra acima de onde ocorreu o acidente. "Ainda tentei engatar marcha, mas não deu", disse o condutor. O fluxo no trânsito era intenso no momento do acidente e, por sorte, nenhum veículo que seguia atrás foi atingido. Condutores conseguiram desviar no momento do ocorrido.

Após o ônibus descer por praticamente uma quadra e atingir o semáforo, houve o acidente entre os carros de passeio. O ônibus naquele local também atrapalhava a visão de quem seguia pela Sete de Setembro e Bahia. Após o acidente, o trânsito não foi interrompido no local.

Autônomo, um motorista de 24 anos, de um Honda Fit, seguia pela Sete de Setembro no sentido oeste-leste e um engenheiro civil, de 59 anos, subia a Bahia em seu sentido único, sul-norte, em um Hyundai HB20, momento do acidente entre os dois carros.

"Eu embiquei o carro e ele bateu em mim", disse o motorista do HB20. "Não dava para ver nada", disse o condutor do Honda Fit. "Sorte que ninguém se machucou. Eu escutei o barulho lá da minha loja. Depois das 17h30 fica muito movimentado aqui", disse o ourives Alexandre Gonçalves, de 57 anos.

O Corpo de Bombeiros e o BPTran (Batalhão de Polícia de Trânsito) foram acionados.

Veja também

Na camionete estava os pais do garoto que também foram socorridos

Últimas notícias