Estouro de pneu e alta velocidade teriam causado acidente na BR-262 que matou família

Com o impacto da colisão, os carros ficaram destruídos e foram parar fora da pista
| 26/01/2022
- 12:19
Estouro de pneu e alta velocidade teriam causado acidente na BR-262 que matou família
(Divulgação)

O possível estouro de pneu aliado à alta velocidade seria a causa do acidente na , que causou a morte da família Ailton Lemes de Oliveira, 67, Darcy Neves de Oliveira, 71, e o filho do casal, Wellington Neves de Oliveira, de 41 anos, nessa terça-feira (25).

Segundo informações passadas pela PRF (Polícia Rodoviária Federal), o estouro de um dos pneus da camionete envolvida no acidente teria feito com que o motorista perdesse o controle da direção, invadindo a pista contrária colidindo contra o Kwid.

O estouro do pneu ainda será investigado, mas também foi relatada a alta velocidade do motorista pela força do impacto dos carros, que acabaram fora da pista após a colisão. As marcas de derrapagem na rodovia mostram e perda de controle e não uma ultrapassagem indevida. 

Wellington que dirigia o veículo e Ailton que estava no banco do passageiro ao lado, morreram presos nas ferragens. E, mesmo com o cinto de segurança, Darcy que estava no banco de trás, foi arremessada para fora do veículo, devido à violência da colisão. Os três ocupantes do carro de passeio faziam o uso do cinto de segurança.

O condutor da caminhonete foi socorrido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e posteriormente encaminhado a Campo Grande, para exames complementares. O caso foi registrado como homicídio culposo na direção de veículo automotor, na delegacia da cidade.

Veja também

Condutor estaria embriagado e fugiu sem prestar atendimento a vítima

Últimas notícias