Polícia / Trânsito

Socorrida com a perna esmagada, idosa morre na viatura dos Bombeiros em Campo Grande

Idosa não resistiu aos ferimentos e morreu após tentativas de reanimação

Evelin Cáceres e Dayene Paz Publicado em 04/06/2021, às 10h48

Acidente entre moto e carro deixou idosa morta em Campo Grande
Acidente entre moto e carro deixou idosa morta em Campo Grande - Marcos Ermínio

Maria Luiza Alves da Silva, de 62 anos, socorrida no acidente da manhã desta sexta-feira (4) em Campo Grande com a perna esmagada e em estado grave acabou morrendo dentro da viatura dos Bombeiros. Ela estava na garupa de uma moto na Avenida das Bandeiras, quando o veículo colidiu em um carro.

Após o acidente, a idosa teve convulsões e ficou com a perna esmagada. Segundo os Bombeiros, ela corria risco de perder o membro. Na altura da Avenida Ernesto Geisel, a viatura foi interceptada por uma do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), que tentou a reanimação da idosa, mas sem sucesso. Ela seria encaminhada para o hospital. 

O acidente

De acordo com testemunhas, a idosa estava na garupa da moto com um homem, que teria avançado o sinal vermelho da avenida a e batido em um carro que seguia pela Rua Ouro Verde.

O motorista do carro, um homem de 85 anos, passa bem. Segundo um parente de 37 anos que estava no veículo e preferiu não se identificar, o casal da moto estava em alta velocidade e teria avançado o sinal vermelho.

Todos foram socorridos pelos Bombeiros.

Jornal Midiamax