Polícia / Trânsito

Moradores falam de alta velocidade em curva que matou técnica de enfermagem

Moradores do bairro Jardim Tijuca, na Avenida Nasri Siufi, próximo à Avenida Dinamarca, relataram ao Jornal Midiamax na manhã desta segunda-feira (22) sobre os vários acidentes que acontecem na região, e que na noite deste domingo (21) acabou em tragédia com a morte da técnica de enfermagem, Thais Nascimento Leite. A dona de casa de […]

Thatiana Melo Publicado em 22/02/2021, às 08h53

None
(Reprodução)

Moradores do bairro Jardim Tijuca, na Avenida Nasri Siufi, próximo à Avenida Dinamarca, relataram ao Jornal Midiamax na manhã desta segunda-feira (22) sobre os vários acidentes que acontecem na região, e que na noite deste domingo (21) acabou em tragédia com a morte da técnica de enfermagem, Thais Nascimento Leite.

A dona de casa de 34 anos, Mariza Moreira contou que no local onde aconteceu o acidente de Thais já teria sido palco de outros acidentes, a alta velocidade é um dos motivos para tanto acidente. Em um deles um motociclista acabou morrendo dentro de uma ambulância após na mesma curva sair da pista e bater em uma árvore.

O acidente aconteceu no dia 9 de fevereiro, quando o motociclista de 24 anos chegou a ser socorrido, mas morreu a caminho do hospital.  Ele foi arremessado a uma distância de 2 metros do local do acidente. Ele estava com uma mulher de 22 anos na garupa, que foi socorrida e levada para a Santa Casa. Ele estaria em alta velocidade, a cerca de 100 km/h.

“Já pedimos um redutor de velocidade para o local, mas até agora nada”, disse a dona de casa, que falou não ter visto o acidente, mas teria ouvido o barulho dom choque. O dono de uma garagem de carros de 34 anos, Edson Silva falou ao jornal que a polícia sempre vai na no estabelecimento dele para pegar câmeras de acidentes que acontecem, na região.

Thais morreu na noite deste domingo (21) às 19 horas quando perdeu o controle do carro saindo da pista, batendo em uma árvore. O corpo foi arremessado para fora do carro, que parou em meio a um matagal. Ela estaria em alta velocidade, segundo o registro do boletim de ocorrência.

Jornal Midiamax