Polícia / Trânsito

Dono de boi será investigado após animal invadir pista e causar morte

A Polícia Civil identificou e qualificou, nesta quarta-feira (25), o proprietário de um boi que invadiu a pista e causou acidente com morte na MS-475 em Ivinhema, a 291 quilômetros de Campo Grande. Após as investigações, o homem pode até responder criminalmente. O acidente aconteceu na última segunda-feira (23), quando um boi invadiu a pista […]

Dayene Paz Publicado em 26/09/2019, às 14h40 - Atualizado em 27/09/2019, às 07h48

Acidente aconteceu na última segunda-feira (Foto: Divulgação)
Acidente aconteceu na última segunda-feira (Foto: Divulgação) - Acidente aconteceu na última segunda-feira (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil identificou e qualificou, nesta quarta-feira (25), o proprietário de um boi que invadiu a pista e causou acidente com morte na MS-475 em Ivinhema, a 291 quilômetros de Campo Grande. Após as investigações, o homem pode até responder criminalmente.

O acidente aconteceu na última segunda-feira (23), quando um boi invadiu a pista da MS-475, causou colisão que vitimou o motociclista Rodrigo Gomes da Cruz. Ele chegou a ser levado para um hospital em Novo Horizonte do Sul, mas não resistiu.

O SIG (Setor de Investigações Gerais) de Ivinhema, depois de localizar o animal que havia invadido a pista, terminou identificando também o proprietário através das marcações e registros da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal de Mato Grosso do Sul.

Segundo informou o delegado Caio Goto, a responsabilidade pelos cuidados do animal que invade a pista é de seu proprietário, que responde com eventual pagamento de indenização em favor da família do falecido, como também na área criminal, pelo crime de homicídio culposo.

Ainda, conforme o site Nova News, o proprietário será investigado por não ter tomado as cautelas necessárias possibilitando que o animal invadisse a pista, conforme exige a lei, podendo ser condenado a até três anos de prisão. “A lei exige um dever de cuidado do proprietário rural que vive às margens de rodovias, para que não coloque em risco a vida dos motoristas que transitam pela via”, pontuou o delegado.

O proprietário do animal ainda será ouvido na delegacia de Ivinhema.

Jornal Midiamax