Polícia / Trânsito

Motorista bêbado que atropelou e matou mulher tem prisão preventiva decretada

A Justiça decretou nesta segunda-feira (8) a prisão do motorista que atropelou e matou a jovem de 28 anos, Maria Janete dos Santos, que chegou a ser socorrida, mas morreu devido à gravidade dos ferimentos. O atropelamento aconteceu na madrugada de domingo (7). A audiência de custódia aconteceu na tarde de segunda (8), e a […]

Thatiana Melo Publicado em 09/10/2018, às 10h36 - Atualizado às 13h57

None

A Justiça decretou nesta segunda-feira (8) a prisão do motorista que atropelou e matou a jovem de 28 anos, Maria Janete dos Santos, que chegou a ser socorrida, mas morreu devido à gravidade dos ferimentos. O atropelamento aconteceu na madrugada de domingo (7).

A audiência de custódia aconteceu na tarde de segunda (8), e a defesa de Anderson Nunes de Oliveira de 44 anos teria pedido pela liberdade dele, sendo que o Ministério Público pedia que caso fosse decretada a liberdade, que ela fosse mediante pagamento de fiança de 10 salários mínimos. O juiz decidiu pela prisão preventiva.

Durante seu depoimento, Anderson disse que fugiu do local do acidente sem prestar socorro porque estava embriagado. De acordo com o site Dourados News, o motorista será levado para uma unidade prisional da cidade.

Anderson dirigia uma camionete S-10 quando teria invadido a preferencial, da Avenida Weimar Torres atingindo a motocicleta Biz, na qual estava a vítima e a condutora. As duas foram socorridas, mas horas depois Maria Janete morreu.

O autor foi encontrado no hotel onde estava hospedado. Ele trabalhava em uma empresa terceirizada prestadora de serviços a agência bancárias. No quarto do hotel, os policiais encontraram uma lata de cerveja e garrafa de vodka.

(Foto: Osvaldo Duarte/ Dourados News)

Jornal Midiamax