Polícia / Trânsito

Com mais de 40 acidentes em 7 anos, moradora cobra sinalização em cruzamento

Mais uma colisão aconteceu na tarde deste domingo

Tatiana Marin Publicado em 18/03/2018, às 23h07

None

Mais uma colisão aconteceu na tarde deste domingo

Há 7 morando próximo ao cruzamento das ruas Santa Lina e Tricordiano no Vilas Boas, a moradora Tathiana Ajala usou as redes sociais para protestar por sinalização no local. Na tarde deste domingo (18) ela testemunhou mais uma colisão, causada por um motorista embriagado que invadiu a preferencial e fugiu.

“Isso NÃO É UM ACIDENTE, isso chama IMPRUDÊNCIA! Quantas vezes ainda vai ter q acontecer coisas assim ou mais graves pras pessoas terem mais consciência das coisas! Até quando? Parei de contar os acidentes na minha esquina no 38. Com esse de hoje deve estar no 45 por aí! Cansada disso!” (sic), diz a publicação postada no Facebook. Ela chegou a anotar a placa do carro, um Fiat Siena azul de Dourados.

Ao Jornal Midiamax, Tathiana contou que o outro veículo envolvido no acidente seguia pela Rua Santa Lina, sentido Zahran, e o Siena vinha em alta velocidade pela Tricordiano. “Ele veio voando e surgiu do nada, não respeitou o sinal de pare da Tricordiano, invadiu a preferencial e pegou em cheio a frente da moça! Sorte dela q ela estava bem devagar, mas arrastou o carro dela até a esquina”, descreve.

Com mais de 40 acidentes em 7 anos, moradora cobra sinalização em cruzamento

“Com esse acidente, já contam mais de 40 acidentes nesse cruzamento em 7 anos! Falta iluminação, sinalização, e lombadas nesse cruzamento, que posso dizer ser o mais perigoso do bairro vilas Boas, pois essas ruas Santa Lina e Tricordiano ligam os bairros Tiradentes, Rita Vieira, Vilas Boas, Tv Morena e Avenida Zahran! Aqui o movimento é constante, 24h por dia” (sic), relata.

Tathiana afirma já ter solicitado mais sinalização para o cruzamento e até o momento não foi atendida. “A rua não tem pintado o pare, nem uma faixa sequer! A única coisa que tem é uma única placa de pare em cada esquina da Tricordiano! Colocadas depois de muita briga na Agetran e um último capotamento grave na esquina no fim do ano! Precisamos URGENTE de sinalização aqui no cruzamento!” (sic).

Jornal Midiamax