Polícia / Trânsito

Quatro pessoas morrem em colisão frontal entre picapes na BR-163

Motorista e passageiros não resistiram

Renata Portela Publicado em 28/02/2016, às 11h54

None
wmx-907x510x4-56d25b6764eb21bcb7bb98204077d3c2de300beb828ee.jpg

Motorista e passageiros não resistiram

Na noite de sábado (27), por volta das 19 horas, acidente entre camionete Amarok e uma Strada matou quatro pessoas na BR-163, região de Juti, a 311 quilômetros de Campo Grande. No momento da colisão frontal chovia e a suspeita é de que o motorista da Strada tenha invadido a pista contrária.

Segundo informações do boletim de ocorrência, equipe da PRF (Polícia Rodoviária Federal) foi acionada para ir até o km 159, onde havia ocorrido o acidente com morte. De acordo com informações preliminares, Danilo Rodrigues dos Santos, de 21 anos, conduzia a Strada prata, placas HJG-6207 de Caarapó (MS), quando perdeu o controle da direção da picape e invadiu a pista contrária.

Consta no registro policial que a picape atingiu a Amarok preta, placas NRU-0737 de Dourados (MS), que foi removida da pista logo após o acidente, para evitar outros acidentes no local. Segundo a polícia, Dione Terezinha Depieri Correa, de 56 anos, que conduzia a Amarok, sofreu alguns ferimentos e segue em observação na Santa Casa de Naviraí. O passageiro João Depiere, de 91 anos, está internado no Instituto do Coração de Dourados, mas não há informação sobre o estado de saúde.

Já os três passageiros da Amarok, que estavam no banco de trás, Marieta Noronha Depiere, de 81 anos, Helena Zanella Depiere, de 76 anos e Iracema Zanella de Souza, de 61 anos, não resistiram aos ferimentos e morreram no local.

O caso foi registrado como homicídio culposo e lesão corporal culposa, sem intenção, na direção de veículo automotor.

Jornal Midiamax