Polícia / Trânsito

Embriagada, motorista fura sinal e colide em carro de mulher que ia trabalhar

A jovem estaria embrigada

Renata Portela Publicado em 27/09/2015, às 10h55

None
uno2.jpg

A jovem estaria embrigada

Na manhã deste domingo (27), por volta das 6 horas, um Uno e um Corsa se envolveram em acidente de trânsito no cruzamento da Rua Padre João Crippa com a Rua Maracaju, na região central de Campo Grande. A motorista do Corsa, de aproximadamente 25 anos, teria passado no sinal vermelho e provocado o acidente.

De acordo com a motorista do Uno, vermelho, placas HRD-4862 de Campo Grande (MS), Rosilete Soares dos Santos, de 42 anos, ela é técnica de enfermagem e seguia para a Santa Casa, onde trabalha. Ela estava acompanhada de uma colega e da filha, de 5 anos. Ela contou para a equipe do Jornal Midiamax que seguia na Rua Padre João Crippa, quando a motorista do Corsa branco furou o sinal na Rua Maracaju e atingiu a lateral do Uno.

Com o impacto da colisão, o Uno ainda foi parar na calçada. “Eu tentei frear, mas não consegui. Foi tudo muito rápido, ainda bem que eu estava devagar”, conta Rosilete. A colega foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e encaminhada para a Santa Casa, já Rosilete e a filha, que estava na cadeirinha, tiveram ferimentos leves nos pés.

A polícia também esteve no local e aguarda uma equipe do BPTran (Batalhão da Polícia Militar de Trânsito) para realizar o teste do bafômetro na motorista do Corsa, uma jovem de aproximadamente 25 anos que não quis se identificar. De acordo com os policiais, ela está visivelmente embriagada.

A condutora do Uno diz que não possui seguro. “Não sei o que vou fazer, ainda por cima, perdi um dia de trabalho”, lamenta. O caso deve ser registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro e o Corsa, que apresentou irregularidades, foi encaminhado para o pátio do Detran (Departamento Estadual de Trânsito).

Jornal Midiamax