Polícia / Trânsito

Morre taxista de Coxim que se envolveu em acidente no Mato Grosso

O taxista Luiz Ferreira de Lima, mais conhecido como “Luiz Galinha”, morreu por volta de 12 horas, desta quinta-feira (27), no Hospital Regional de Rondonópolis (MT), depois de sofrer uma parada cardíaca. Lima estava internado em estado grave desde a última sexta-feira (21), após ter sofrido um acidente na BR-163, no município de Itiquira (MT), […]

Arquivo Publicado em 27/12/2012, às 18h46

None
2076585079.jpg

O taxista Luiz Ferreira de Lima, mais conhecido como “Luiz Galinha”, morreu por volta de 12 horas, desta quinta-feira (27), no Hospital Regional de Rondonópolis (MT), depois de sofrer uma parada cardíaca.



Lima estava internado em estado grave desde a última sexta-feira (21), após ter sofrido um acidente na BR-163, no município de Itiquira (MT), no momento em que transportava sete passageiros em seu táxi.



Luiz é a quarta vítima do acidente que envolveu dois veículos, o taxi GM Corsa Classic, placas: HTP-3013 de Coxim e o Renault Sandero placas: NPH-1921 de Cuiabá (MT) que era conduzido por Deuclides Pereira Alves, de 63 anos.



Morreram no acidente, Douglas Gonzales de Brito, de 12 anos, morador de Coxim, Aldo Flávio Duarte que morava no Mato Grosso e Maria de Fátima Duarte que chegou a ser socorrida com vida para o Hospital de Rondonópolis, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito horas depois da colisão.



Vanilda de Fátima Cunha, Barbara Maria Cunha, Evanir Duarte e duas crianças que também eram passageiras do táxi, foram socorridas e encaminhadas para o Hospital Municipal de Sonora e em seguida foram transportadas para o HR de Rondonópolis.



No Sandero estavam além de motorista, sua esposa, Vanilda F.J. C. Dalaio de 48 anos, Flávia A. Cunha Dalaio, 18 anos, José Flávio Dalaio, de 46 anos, que ficaram gravemente feridas e foram encaminhadas para a Santa Casa de Rondonópolis. Algumas vítimas sofreram fraturas e TCE (Traumatismo Craniano Encefálico).



O corpo de Luiz foi encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal) de Rondonópolis e em seguida deve ser liberado para a família. O velório vai acontecer na Pax São Marcos, o corpo tem previsão de chegar a Coxim, depois das 22 horas.


Jornal Midiamax