Polícia / Trânsito

Riscos de acidente no trabalho preocupa o Estado

Médicos e enfermeiros do Programa Saúde da Família estarão participando entre os dias 10 e 14 de junho de discussões sobre a “Saúde do Trabalhador”. A preocupação do Estado para realizar o treinamento é em relação aos riscos de acidente, que ocorrem principalmente em indústrias frigoríficas, destilarias e madeireiras. “Muitos trabalhadores desenvolvem ainda doenças que […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

Médicos e enfermeiros do Programa Saúde da Família estarão participando entre os dias 10 e 14 de junho de discussões sobre a “Saúde do Trabalhador”.

A preocupação do Estado para realizar o treinamento é em relação aos riscos de acidente, que ocorrem principalmente em indústrias frigoríficas, destilarias e madeireiras.

“Muitos trabalhadores desenvolvem ainda doenças que podem ser evitadas como a Lesão por Esforços Repetitivos (LER), por isso estaremos falando também sobre prevenção”, disse o coordenador estadual da vigilância sanitária, Romeu Gama do Carmo.

Em todo o Estado são cerca de 3 mil profissionais cadastrados no Saúde da Família, mas desta vez, apenas 40 serão capacitados. As inscrições são gratuitas e mais informações podem ser obtidas pelo telefone 318-1670.

“A princípio destinaremos as vagas para participantes de Campo Grande, Dourados, Corumbá e Três Lagoas por ser mais emergencial, mas novas turmas deverão ser formadas”, garante o coordenador.

Jornal Midiamax