Um advogado foi preso em Dourados, cidade a 226 quilômetros de Campo Grande nesta quarta-feira (19). Policiais civis da 1ª Delegacia de Polícia fizeram a prisão após investigação de ameaça, inovação artificiosa em local de acidente de trânsito e porte ou posse ilegal de arma de fogo, praticados pelo advogado de 30 anos de idade.

O policiais então cumpriram o mandado de prisão e representaram pela busca e apreensão na residência do investigado e em seu escritório profissional. O cumprimento da ordem judicial ocorreu nesta quarta e o acusado foi preso em flagrante por tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo.

De acordo com a polícia, o pedido de busca domiciliar foi feito pela autoridade policial e deferido pela 2ª Vara Criminal de Dourados e cumprido na presença de representantes da Ordem dos Advogados do Brasil.

Ainda de acordo com a polícia, durante as buscas na residência do advogado, foi encontrado dentro do forro da habitação, de forma totalmente oculta, um projetil de arma de fogo cal. 38 SPL, além de 10 tabletes de maconha, diversos galhos de planta com flores de maconha, farelos de maconha, uma ampola de 10ml de Cannabidiol e duas balanças de precisão.

Com a situação flagrancial, ele foi conduzido até à 1º Delegacia de Polícia Civil de Dourados-MS, sendo autuado em flagrante delito pela prática dos crimes de tráfico de drogas (art. 33, caput, da Lei nº 11.343/06) e posse irregular de arma de fogo de uso permitido (art. 12 da Lei nº 10.826/03).