Abuso sexual de uma gata doméstica é investigado pela 2ª Delegacia de Polícia de , cidade no sul do Estado, a 225 quilômetros de Campo Grande. Além da violência contra o animal, o suspeito também furtou alimentos que estavam na geladeira da casa invadida.

Conforme o boletim de ocorrência, o caso aconteceu na última terça-feira (27). Ao chegar em casa, a tutora do animal e proprietária do imóvel percebeu que a gata estava mais arisca. Ao se aproximar percebeu que ela estava sangrando.

O estupro foi constatado por um médico veterinário. Segundo os relatos, o suspeito introduziu um objetivo e feriu a gata.

Além do abuso ao animal, o autor também teria furtado pacotes de carne que estavam na geladeira. Até o momento o suspeito não foi localizado e o caso segue em investigação.