Um casal de 35 e 40 anos, morador do bairro Canãa II, em Dourados, a 225 quilômetros de Campo Grande, foi denunciado por maus-tratos a um cachorro na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário). O crime teria acontecia na noite dessa terça-feira (29).

Na denúncia feita inicialmente aos guardas-municipais, a tutora relatou que seu cachorro, que não teve a raça identificada, teve os testículos cortados pelos vizinhos. Segundo ela, o animal estava na varanda sangrando.

De acordo com a tutora do animal, sua filha e seu enteado viram o animal sair da casa dos vizinhos. O cão, segundo relato das crianças, uivava e sangrava muito. Seu marido seguiu os rastros de sangue que iniciava no portão da casa dos supostos agressores, que lavavam a calçada.

Agentes da guarda-municipal estiveram no local, colheram depoimentos dos envolvidos e o caso é investigado pela Depac de Dourados. Se os maus-tratos contra o animal doméstico forem comprovados, os acusados podem ser enquadrados em lei que prevê multa e prisão de até cinco anos.

Maus-tratos é crime

Art. 32. Praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos: Pena – detenção, de três meses a um ano, e multa.