Polícia

Testemunhas relatam que pai morreu afogado ao tentar salvar filho autista em lago

Os dois acabaram se afogando

Renata Portela Publicado em 03/01/2022, às 09h55

Vítimas se afogaram no lago
Vítimas se afogaram no lago - (Foto: Fatos MS)

Luiz Jorge Linhares de Santana, de 59 anos, vítima de afogamento em Três Lagoas, a 323 quilômetros de Campo Grande no último sábado (1º), teria tentado socorrer o filho. Jhone de Barros Linhares, de 28 anos, era autista e amava água e teria corrido para o lago, mas também acabou se afogando.

Segundo relato de testemunhas, uma mulher que passava pelo local ainda viu pai e filho perto do lago e chegou a conversar com eles. No entanto, a suspeita é de que Jhone tenha entrado no lago, já que amava água, e o pai tentou socorrê-lo.

Os dois acabaram se afogando. Jhone foi retirado da água já sem vida por equipe do Corpo de Bombeiros e o corpo de Luiz foi encontrado na manhã seguinte. O caso é tratado como morte a esclarecer e foi registrado na delegacia do município.

Jornal Midiamax