Procurado por contrabando e homicídio, brasileiro é preso na fronteira de MS

Ele foi apontado como um dos principais operadores de um esquema que introduziu drogas, cigarros e eletrônicos no município de Guaíra
| 16/02/2022
- 12:02
Nelson foi preso na segunda-feira
Nelson foi preso na segunda-feira - Divulgação/Interpol

Um brasileiro identificado como Nelson Spohr, de 46 anos, foi preso na última segunda-feira (14) em Salto Del Guairá, na fronteira com Mundo Novo, no pela Interpol. Ele era procurado no Brasil por contrabando e tem mandado de prisão decretada no por homicídio.

De acordo com informações do chefe da Interpol, comissário Omar Mendoza, o brasileiro foi localizado na área do quilômetro 2 de Salto del Guairá, capital do departamento de Canindeyú. Ele era responsável por atravessar mercadoria do Paraguai para o lado brasileiro, pelo Rio Paraguai, onde exercia a função de “pasero”, termo usado pela polícia.

Ainda segundo o comissário paraguaio, em 2016, ele teria esfaqueado um de seus comparsas depois que eles tentaram tirar o dinheiro que ele ganhou como “pasero”, conforme depoimento do detento.

Esse fato lhe rendeu um mandado de prisão por tentativa de homicídio doloso, assinado pelo juiz Ramón Trinidad Zelaya, segundo o boletim de ocorrência. No entanto, Nelson Spohr também tem um mandado de prisão expedido no Brasil por contrabando.

Ele foi apontado como um dos principais operadores de um esquema que introduziu drogas, cigarros e eletrônicos no município de Guaíra, no Paraná.

O comissário Mendoza destacou que o mandado de prisão por extradição expedido pela justiça brasileira deve ser executado assim que Nelson Spohr resolver a pendência com a justiça paraguaia.

Veja também

Entorpecentes foram encontrados dentro de um tubo de creme dental

Últimas notícias