Polícia

Polícia prende mais um envolvido em sequestro de servidores de MS

As vítimas foram roubadas e ficaram presas em um cativeiro

Anna Gomes Publicado em 08/01/2022, às 12h46

Um dos suspeitos é motorista de aplicativo.
Um dos suspeitos é motorista de aplicativo. - Diário Corumbaense

Foi preso neste sábado (8), mais um envolvido no sequestro de uma diretora-adjunta e de um secretário de uma escola municipal de Corumbá, distante aproximadamente 440 quilômetros de Campo Grande. As vítimas ficaram presas em um cativeiro na última quarta-feira (5).

Conforme a Polícia Civil, o suspeito seria um motorista de aplicativo, de 30 anos. Ele já teria se apresentado na delegacia, quando supostamente confessou o crime um dia após o sequestro. Na ocasião ele foi ouvido e liberado.

Diante dos fortes indícios da participação do motorista no crime, foi decretada sua prisão preventiva, que assim que foi acatada pelo Poder Judiciário, foi efetivada pela Polícia Civil na manhã de hoje. Deste modo, até o momento, dois supostos autores do crime estão presos e a investigação prossegue para apurar toda a dinâmica do delito e identificar outros possíveis comparsas.

CRIME

Três assaltantes entraram armados em uma escola municipal de Corumbá e renderam dois servidores. Os bandidos levaram a bolsa e um carro da mulher. Em seguida, os supostos autores venderam, amarraram as vítimas e as levaram para um cativeiro, até que o veículo fosse atravessado para a Bolívia.

Depois de um tempo, os servidores foram liberados próximo de uma ribanceira, em uma rodovia, sendo socorridos por uma pessoa que as levaram até a delegacia para o registro da ocorrência. O carro, que já estava no país vizinho, foi recuperado com apoio da Polícia Boliviana e será entregue para a vítima assim que for periciado.

Jornal Midiamax