Entreposto de cocaína em Campo Grande guardava droga avaliada em R$ 1 milhão

Um homem foi preso escondendo a droga em um caminhão
| 23/05/2022
- 09:38
Entreposto de cocaína em Campo Grande guardava droga avaliada em R$ 1 milhão
Imagem ilustrativa - Divulgação

Investigações da Polícia Civil, por meio da Denar ( Especializada de Repressão ao Narcotráfico), apontam que Campo Grande estava servindo de entreposto para traficantes armazenarem cocaína, que era distribuída para outros estados do país. Um acabou preso no último sábado (21), em uma ação conjunta com a PRF (Polícia Rodoviária Federal).

A prisão aconteceu por volta das 23 horas, no km 490 da BR-163, quando, após receber informações sobre o carregamento da droga, os policiais abordaram o caminhão. O motorista de 44 anos acabou entrando em contradição e durante vistoria no veículo foi descoberta a cocaína escondida na quinta roda do caminhão.

O foi levado para a delegacia e em depoimento disse que em dezembro de 2021 adquiriu um caminhão por meio de financiamento, estava com duas prestações atrasadas e passando por dificuldades financeiras. Por isso, teria aceitado fazer o transporte da droga, mas não sabia a quantidade que havia sido escondida no caminhão. 

Ele ainda disse que carregou a carga de sucatas em Cáceres, no Mato Grosso, e que iria levar até São Paulo. Pelo serviço iria receber o valor de R$ 10 mil, e a cocaína seria avaliada em R$ 1 milhão e 290 mil. Ele não revelou quem o contratou. O homem passa por audiência de custódia nesta segunda-feira (23). 

Veja também

Idosos foram socorridos com vários ferimentos para a Santa Casa

Últimas notícias