Operação fecha festas clandestinas, prende dois e termina com gás lacrimogêneo e balas de borracha

Entre os presos está um homem acusado de oferecer bebida alcoólica para menores de 18 anos
| 10/04/2022
- 13:00
Operação fecha festas clandestinas, prende dois e termina com gás lacrimogêneo e balas de borracha
(Foto: Divulgação/ DP Água Clara)

das polícias Civil e Militar na noite deste sábado (9) em Água Clara, cidade a 193 quilômetros da Capital, terminou com duas pessoas presas. O objetivo era coibir eventos clandestinos em bares, clubes e rodovias, de onde surgiram denúncias de tráfico de drogas, embriaguez ao volante e disparo de arma de fogo.

Conforme informado pela Polícia Civil, a operação foi feita por policiais das delegacias de Água Clara, Três Lagoas e Ribas do Rio Pardo. Eventos com música ao vivo foram fiscalizados e um homem foi preso acusado de oferecer bebida alcoólica para menores de 18 anos, além de pessoas portando drogas, como ecstasy, maconha, LCD, cocaína, MDMA e haxixe.

operacao agua clara 2 - Operação fecha festas clandestinas, prende dois e termina com gás lacrimogêneo e balas de borracha
Eventos clandestinos foram fechados. (Foto: Divulgação/ DP Água Clara)

A Polícia Militar solicitou apoio das equipes da operação após uma briga iniciar em ponto de aglomeração da cidade, com pessoas que haviam sido dispersadas dos outros eventos anteriormente. Um homem foi preso acusado de agredir outro com capacetadas.

A multidão foi dispersada e houve uso de bombas de efeito moral e disparos de balas de borracha. A Polícia Civil orientou que os eventos abertos ao e com venda de bebidas alcoólicas devem seguir protocolos de segurança e autorização junto ao Poder Público, e o descumprimento pode levar a prisão do organizador do evento.

Veja também

Últimas notícias