Menina era obrigada a assistir vídeos pornográficos durante estupros em Campo Grande

Abusos aconteciam sempre que criança ia até à casa do irmão de seu padrasto
| 20/02/2022
- 15:33
Menina era obrigada a assistir vídeos pornográficos durante estupros em Campo Grande
(Henrique Arakaki, Midiamax)

A polícia investiga um estupro cometido contra uma menina de 7 anos, em Campo Grande, que era cometido pelo irmão de seu padrasto sempre que ela ia visitar a mãe do autor. O caso foi registrado na (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), nesse sábado (19).

A menina contou que sempre que ia visitar a ‘avó’ - mãe de seu padrasto e irmão do autor - era estuprada  pelo homem, que passava as mãos em sua partes íntimas e a obrigava a assistir filmes pornográficos no celular. A criança ainda relatou que já havia sido obrigada a ficar nua junto do autor em uma das ocasiões.

Ao saber do que ocorria, a mãe da criança passou a chorar desesperadamente e disse que não tinha conhecimento dos fatos. Quando a polícia foi acionada indo até à residência onde morava o suspeito, a mãe do homem contou que a menina já havia lhe relatado ocorrido e que, apenas, chorou. 

Os abusos foram descobertos depois que o pai da menina notou um  comportamento estranho da criança e pediu para que sua outra filha conversasse com menina que contou que era abusada. A irmã acabou observando que as partes íntimas da criança estavam machucadas mostrando indícios do crime.

O suspeito negou os crimes dizendo que a relação com a menina era respeitosa e nunca faria isso, mas acabou detido sendo encaminhado para a delegacia. A (Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente) investigará o caso. 

Veja também

Dupla flagrada por traficar cocaína levaria os 2,58 kg de droga de Puerto Quijarro para Três Lagoas

Últimas notícias