Homem que atirou contra mulher na fronteira teria sido baleado por testemunha

O rapaz deu entrada no hospital com um ferimento por bala e polícia acredita que ele seja o autor do crime
| 16/04/2022
- 22:57
Mulher é atingida
Crime ocorreu no estacionamento de um supermercado - (Foto: Reprodução/Câmeras de Segurança)

O suposto autor da tentativa de homicídio ocorrida na noite deste sábado (16), em Ponta Porã, teria sido baleado logo após cometer o crime. A suspeita surgiu após um homem dar entrada com ferimentos por tiro no Hospital Viva a Vida, em Pedro Juan Caballero.

De acordo com o Comissário Ruben Galeano, Chefe da Segunda Comissaria, o rapaz teria chegado ferido no hospital alegando ter sido vítima de tentativa de assalto no bairro María Victoria, segundo o site MS em Foco.

Por conta do ferimento ele foi transferido para o onde está escoltado pela polícia. A polícia paraguaia levantou suspeitas de que o paciente seria o autor dos disparos que atingiram a mulher. Ele teria sido baleado por uma testemunha.

Em nota oficial a direção do Hospital Regional Dr. José de Simone Netto informou o atendimento a paciente baleada. A nota relata que “a paciente recebeu avaliação médica inicial sem constatação de lesões. Exame de ultrassonografia também foi realizado para compreender a dos rins. A mesma segue internada, estável, fora de perigo”.

Veja também

Últimas notícias