A menina, de 14 anos, que desapareceu na tarde desta quarta-feira (28) no Jardim Canguru em Campo Grande, foi encontrada após cerca de duas horas e meia de buscas. Ela foi achada por um homem a 3 km de onde sumiu.

O pai da menina, de 57 anos, contou que estava muito preocupado, pois a filha toma remédios controlados. Ao Jornal Midiamax, ele disse que a preocupação era por conta da correnteza, já que choveu forte na região.

A menina estava passando férias na casa da irmã quando desapareceu. A irmã, de 22 anos, contou que houve uma discussão, quando a adolescente desapareceu.

A menina foi localizada por um homem que mexia no jardim de casa. Ele acolheu a garoto com roupas e comida, até que ela foi localizada.

Ao todo, cerca de 12 militares do Corpo de Bombeiros participaram das buscas, que chegaram a ser feitas às margens do Córrego Balsamo em uma mata ciliar de difícil acesso, com mergulhadores e até um drone.

Como a vítima apresentava algumas lesões, foi encaminhada a uma unidade básica de saúde, consciente.