Adolescente brasileira encontrada morta em vala na fronteira tinha ferimento na cabeça

Vítima teria ido para uma festa com alguns amigos e se perdeu deles
| 26/04/2022
- 17:12
Adolescente brasileira encontrada morta em vala na fronteira tinha ferimento na cabeça
(Foto: Marciano Candia)

A adolescente Luana Gonçalves, de 14 anos e com nacionalidade brasileira, encontrada morta em estado de decomposição em uma vala, estava com um ferimento na cabeça. A jovem estava desaparecida desde a última sexta-feira (22). A vala fica na parte externa do Shopping Planet Outlet, em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia que faz fronteira com Ponta Porã, a 313 quilômetros de Campo Grande.

Segundo o responsável do , um funcionário foi ao fundo do imóvel e descobriu o corpo já sem vida. Familiares reconheceram ser da jovem desaparecida há cerca de quatro dias.

De acordo com o legista César González Haiter, a adolescente sofreu um ferimento na cabeça do lado direito que lhe causou a . "Presume-se que os autores do crime utilizaram uma arma contundente para causar a morte da vítima", disse ao Site Última Hora.

Desaparecida 1 - Adolescente brasileira encontrada morta em vala na fronteira tinha ferimento na cabeça
(Foto: Divulgação)

"É um cadáver em decomposição. Ela desapareceu naquela sexta-feira e é mais ou menos a data da morte. Ela tem escoriações que são lesões post-mortem (depois da morte), ela pode ter sido jogada no leito do rio e chegou com a torrente, porque naquele dia choveu muito em Pedro Juan Caballero", disse o legista González.

No dia de seu desaparecimento, Luana - que é natural de Ponta Porã - havia saído com alguns amigos para ir a uma festa. Eles teriam perdido Luana de vista naquela manhã e não tiveram mais comunicação com ela. O caso será investigado pela polícia.

Veja também

Últimas notícias