Acusados de sequestrarem motorista na frente de supermercado vão continuar presos

Dupla tentava roubar a camionete da vítima
| 03/08/2022
- 12:44
homem
(Reprodução)

Foi decretada prisão preventiva dos dois homens, de 23 e 27 anos, acusados de tentarem roubar, mediante sequestro, o proprietário de uma Hilux na noite da última segunda-feira (1º). A vítima foi abordada pelos suspeitos quando saía de um supermercado na Mata do Jacinto, em Campo Grande.

Conforme informações da polícia, o primeiro assaltante localizado pelos policiais militares, de 23 anos, não quis dar declarações sobre o crime. Ele já acumula passagens por roubo majorado, receptação, tráfico de drogas, associação criminosa e chegou a dizer para a polícia que tem outras passagens que nem ele mesmo se lembra.

Já o segundo envolvido, que foi ‘caguetado’ pelo rapaz de 23 anos, alegou que foi convidado para o assalto, mas não participou. Ele disse no interrogatório que tem uma dívida com o outro suspeito e que, por volta das 10 horas de segunda-feira (1º), foi convidado para roubar, por mensagem de WhatsApp.

Ele teria aceitado participar do crime, para quitar a dívida. No entanto, afirma que o comparsa sumiu e que só à noite foi abordado em casa por policiais militares, negando qualquer participação com o roubo. Ele também tem várias passagens pela polícia, por roubo majorado, furto, violência doméstica, entre outros.

Os dois suspeitos estão presos em pelo roubo majorado pelo emprego de arma, de pessoas e restrição de liberdade da vítima.

Sequestro na saída do supermercado

O crime chegou a ser filmado por câmera de segurança na Avenida Alberto Araújo Arruda. A vítima foi ao mercado, fez as compras e, ao deixar as sacolas no banco de trás da camionete Hilux foi abordada pelos bandidos. O homem relatou que foi obrigado a entregar as chaves ao suspeito que não estava armado.

Assim, o dono da camionete foi colocado no banco de trás, enquanto os bandidos seguiram em direção à saída da cidade. Ele contou aos policiais que a todo momento era ameaçado com a arma de fogo, que era apontada para seu corpo. Então, passou a entregar os pertences aos bandidos, conforme eles exigiam.

Foram entregues relógio, celular e aliança. A vítima chegou a relatar que os bandidos estavam descontrolados, falavam muitas gírias e faziam ameaças. Em determinado momento, o suspeito que dirigia a camionete perdeu o controle da direção, colidindo contra outro carro na Rua Jorge Pedro Bedoglim.

Os bandidos fugiram em seguida, abandonando a camionete e a vítima. Os dois acabaram localizados e presos em flagrante, sendo um deles o de 23 anos, a menos de um quilômetro do local, e o outro já em casa.

Veja também

Um homem identificado como Johnny Nunes morreu em um acidente na MS-162 em Sidrolândia, cidade...

Últimas notícias