Acusado de estuprar vizinha de 12 anos foi preso em casa e tentou negar o crime

Ele deve ser ouvido em interrogatório
| 21/01/2022
- 18:22
Autor foi encaminhado para a Depca
Autor foi preso e encaminhado para a Depca - (Arquivo, Midiamax)

Preso em flagrante no fim da manhã desta sexta-feira (21), o homem de 50 anos acusado de estuprar a vizinha, de 12 anos, foi preso em casa. Ele será interrogado nesta tarde e depois passa por audiência de custódia, no sábado ou segunda-feira.

Na noite de quinta-feira (20), quando o caso foi denunciado, policiais militares procuraram pelo autor em casa, mas ele não foi encontrado. Já na manhã desta sexta, equipe da (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente) voltou ao local e prendeu o suspeito.

Ainda no momento da prisão ele tentou negar o e foi levado para a delegacia. Ele responde por estupro de vulnerável e também pela invasão a domicílio.

Entenda o caso

A mãe da menina precisou sair para ir até uma farmácia nas proximidades de casa, quando o autor se aproveitou e invadiu a residência. Segundo relato da mulher, a criança toma remédios controlados, o que provoca um sono profundo.

Quando voltou para casa, encontrou a filha estranha e ao ser questionada, a menina contou que tinha sido estuprada pelo vizinho. Ela relatou que acordou com o homem em cima dela e que ele estava tampando a boca para que a vítima não gritasse.

A menina anda disse que já tinha sido abusada pelo homem anteriormente. A criança foi encaminhada para a uma unidade de saúde para exames médicos.

Veja também

Dono do lava-jato foi executado com tiros na cabeça

Últimas notícias