Polícia

Tabeliã de cartório é surpreendida por homem que buscava 2ª via de certidão do filho dela morto há 30 anos em MS

Suspeito alegou que apenas foi fazer retirada do documento, a pedido de um conhecido

Danielle Errobidarte Publicado em 28/05/2021, às 14h29

None
(Foto: Ilustrativa)

Tabeliã de um cartório localizado em Ponta Porã, distante 346 km de Campo Grande, na fronteira com o Paraguai, registrou boletim de ocorrência contra um homem, de 52 anos, que atendeu nesta sexta-feira (28). Isso porque a servidora foi surpreendida pelo documento que ele iria retirar: a 2ª via da certidão de nascimento do filho da servidora.

A tabeliã afirma, no registro policial, que reconheceu o nome como sendo de uma criança que havia falecido há 30 anos na mesma cidade, e que por coincidência era seu filho. Ela, então, questionou o suspeito sobre qual motivo da solicitação da segunda via.

O homem teria respondido que apenas estava buscando o documento, a pedido de um conhecido. Ele ainda informou seu número de telefone, e se ofereceu para a servidora para comparecer na delegacia, a fim de prestar esclarecimentos. O caso foi registrado como falsa identidade e deve ser investigado pela 1ª Delegacia de Polícia de Ponta Porã.

Jornal Midiamax