Polícia

Quatro são preso em flagrante por furto, receptação e tráfico de drogas

Dois simulacros de arma de fogo foram apreendidos

Diego Alves Publicado em 01/06/2021, às 21h38

Divulgação, PM
Divulgação, PM

A Polícia Militar de Maracaju, cidade a 158 quilômetros de Campo Grande, prendeu quatro homens por furto, receptação e tráfico de drogas nesta terça-feira (01).

Nesta terça, por volta das 05h50, segundo a polícia, equipe foi acionada via 190 e informada sobre um furto na região do Bairro Fortaleza. Ainda segundo a polícia, no local, o proprietário de um estabelecimento comercial, disse que por voltas das 4h30min, recebeu mensagem via celular, de um conhecido que passava pelo local dizendo que a porta de seu comércio estava aberta e com uns homens no interior.

O comerciante foi ao local, e, ao chegar lá, viu dois homens, ambos portando faca na porta de seu comércio. Relata ainda que avistou um veículo modelo Fiat Uno de cor preta estacionado próximo à porta e que, neste momento se afastou duas quadras do local e acionou a central 190.

Ainda de acordo com a polícia, do local foram subtraídos um aparelho notebook; dois botijões de gás cheio e uma cafeteira. Foi constatado arrombamento nas portas do fundo e da frente, sendo esta última do modelo blindex. O comércio possui câmeras, a vítima providenciou e foi possível identificar os autores.

A guarnição de polícia militar deram continuidade nas diligências e chegaram a um dos autores e ao ser indagado apontou seu comparsa.

As equipes então deslocaram até a residência do comparsa, localizada no bairro Cambaraí, ao chegar e indagá-lo, ele confessou ser um dos autores e indicou uma outra residência que seria uma boca de fumo, onde residem dois indivíduos e que estes seriam responsáveis por trocar e receptar os objetos produtos de furto.

Posteriormente, as equipes deslocaram até esta residência e ao chegar encontraram os dois, eles foram indagados e confessaram ter adquirido parte dos objetos do furto (um botijão de gás), que foi trocado no local por 06 (seis) porções de pasta base.

Neste momento, os dois indivíduos confessaram também que o local realmente funciona como comércio de entorpecentes.

Diante das informações, foi realizada busca no interior da residência, sendo encontrado: 23 trouxinhas de substância análogas à pasta base; 04 aparelhos celulares; dois simulacros de arma de fogo; nove cédulas de dinheiro que somaram a quantia de R$ 327,00 e um caderno que aparenta ser controle financeiro da atividade ilícita. Os quatro autores foram conduzidos e entregues à delegacia de Polícia de Maracaju para as demais medidas cabíveis.

Jornal Midiamax