Polícia

Polícia recupera celular obtido em estelionato praticado por presidiário

Conforme registro de ocorrência na 1ª DP/TL

Diego Alves Publicado em 25/09/2021, às 16h57

Divulgação, Polícia Civil
Divulgação, Polícia Civil

Policiais civis da delegacia de Três Lagoas localizaram um aparelho celular obtido através da prática de estelionato. De acordo com a polícia, a autora apresentou um falso comprovante de pix conforme registro de ocorrência na 1ª DP/TL.

Ainda segundo a polícia, após investigação, a equipe da unidade se deslocou até o bairro Vila Piloto no endereço da suspeita de estar com a posse do referido telefone. Ao chegar no local, ela estava na frente de sua residência, e após ser questionada sobre os fatos, entregou o aparelho proveniente do crime e declarou que seu namorado foi o responsável pela transação.

A suspeita contou que seu namorado, que está preso há alguns dias e se encontra no presídio, utilizou-se de seu antigo número de telefone para entrar em contato com a vítima através do “Whatsapp” e negociar a compra do referido telefone.

Ela conta que teria armado toda a situação do presídio e enviado alguém para ir ao encontro da vítima para pegar o telefone junto a um falso comprovante de Pix a fim de garantir a ação. E, já em posse do telefone, outro rapaz teria entregue o celular a e dito que era a mando do presidiário.

O celular foi recuperado e apreendido, bem como a suspeita conduzida a delegacia para os demais procedimentos cabíveis.

Denúncias poderão ser realizadas através dos telefones (67) 3929-1173 ou (67) 99226-8210, sendo garantido o anonimato do denunciante.

Jornal Midiamax