Polícia

Polícia desmonta acampamento ilegal de pesca à margem do Rio Jatobá

Durante fiscalização preventiva à pesca predatória no Rio Jatobá

Diego Alves Publicado em 28/06/2021, às 20h17

Divulgação, PMA
Divulgação, PMA

A PMA (Polícia Militar Ambiental) desmontou um acampamento ilegal de pesca à margem do rio Jatobá e autua pescador campo-grandense em R$ 5 mil em de Rochedo, cidade a 83 quilômetros de Campo Grande.

De acordo com a polícia, durante fiscalização preventiva à pesca predatória no Rio Jatobá, Policiais Militares Ambientais de Rochedo localizaram hoje (26) no início da tarde, um acampamento ilegal para a pesca, na região próxima a ponte na estrada conhecida como Federação, no município de Rochedo. Quando a PMA chegou e vistoriou o local verificou que um pescador abriu uma estrada, limpou a vegetação e derrubou árvores, tudo dentro da área de matas ciliares do rio (área protegida por lei), para instalar o acampamento de pesca e a barraca de lona.

O infrator de 50 anos, residente em Campo Grande, foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 5 mil. A equipe ordenou a remoção do acampamento. Ele também responderá por crime ambiental de degradação de área de preservação permanente, com pena prevista de um a três anos de detenção.

Jornal Midiamax