Polícia

Pai estapeia bebê de 2 meses no rosto e vai preso em Campo Grande

Homem ainda ameaçou matar a criança

Dayene Paz e Thatiana Melo Publicado em 17/05/2021, às 12h29

None
Caso foi registrado na Deam | Imagem: Midiamax

Após discussão com a esposa, um homem de 27 anos agrediu um bebê de dois meses de vida com tapas no rosto e acabou preso na noite deste domingo (16) no Jardim Los Angeles, em Campo Grande. A briga teria se iniciado após o homem chegar embriagado e cobrar que a mulher, também de 27 anos, fizesse serviços domésticos.

O caso foi atendido pela Polícia Militar e registrado na Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher). Conforme relato da vítima, o homem chegou em casa aparentemente bêbado e passou a quebrar alguns objetos. Em seguida, ordenou que a mulher colocasse o bebê no quarto, momento em que a criança começou a chorar.

Irritado com o choro, o pai passou a desferir tapas no rosto do bebê, quando a mãe interviu. Ele então começou a enforcar a vítima, que conseguiu se desvencilhar e sair do local. A mulher conta que deixou o bebê e correu para pedir ajuda ao vizinho. Minutos após isso, o homem saiu da casa com o bebê no colo, afirmando que caso a mulher não o pegasse, mataria a criança.

O bebê ficou com hematomas no rosto, recebeu atendimento do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e foi levado para a Upa (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro Moreninhas. A mãe também foi atendida e encaminhada para unidade de saúde.

A Polícia Militar foi acionada e o autor foi preso em flagrante, sendo encaminhado para a Deam. Em audiência de custódia nesta segunda-feira (17), o homem negou que tivesse agredido a criança. Disse que a discussão começou por conta dele cobrar alguns afazeres domésticos e que deu tapas na mulher. A Justiça converteu a prisão em flagrante em prisão preventiva.

Jornal Midiamax