Polícia

Padrasto é condenado a 14 anos de prisão após estupro de enteada em MS

Mandado de prisão foi cumprido pela DAM de Aquidauana

Danielle Errobidarte Publicado em 04/08/2021, às 17h30

None
(Foto: Ilustrativa)

Homem de 41 anos foi preso nesta quarta-feira (4) durante cumprimento de mandado de prisão pela DAM (Delegacia de Atendimento à Mulher) de Aquidauana, cidade distante 139 km da Capital. Ele é acusado de estuprar a enteada, de 13 anos, e estava foragido.

Segundo informações da Polícia Civil, o padrasto da vítima foi condenado a 14 anos, 4 meses de 24 dias de prisão por estupro de vulnerável, previsto no artigo 217-A do Código Penal. A pena deve ser cumprida, inicialmente, em regime fechado.

Policiais do SIG (Setor de Investigação Geral) da DAM efetuaram a prisão após trabalho de investigação feito em alusão ao Agosto Lilás, campanha de enfrentamento à violência doméstica e familiar, instituída pela Lei 4.969 de 2016. Denúncias anônimas podem ser feitas na delegacia da cidade pelos números (67) 99332-4290 ou (67) 3241-1172.

Jornal Midiamax