Polícia

Na fronteira, pistoleiros atiram várias vezes contra escritório de advocacia

Disparos atingiram porta, janela e paredes

None
Foto Ilustrativa

Escritório de advocacia localizado no assentamento Itamarati, município de Ponta Porã, a 334 quilômetros de Campo Grande, foi alvo de disparos de arma de fogo na noite deste sábado (19) na fronteira. Ninguém foi atingido e o caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Consta no boletim de ocorrência que o advogado relatou que desconhecidos em uma moto teriam atirado contra o imóvel. A porta de entrada, uma janela e as paredes estavam com as marcas dos projéteis. Foram encontradas várias cápsulas calibre nove milímetros.

O advogado alegou ainda não ter nenhuma desavença, bem como não há registro de ameaças contra ele. A Polícia Militar foi acionada e fez rondas em busca de suspeitos, mas ninguém foi localizado. O caso foi então encaminhado à 1ª Delegacia de Polícia de Ponta Porã.

Jornal Midiamax