Polícia

Mulher transfere R$ 4300 após golpista se passar por filho dela no WhatsApp

Vítima só notou que golpista falava diferente do filho depois de já ter feito a transferência

Danielle Errobidarte Publicado em 26/07/2021, às 18h47

Vítima fez transferência por meio de Pix.
Vítima fez transferência por meio de Pix. - (Foto: Ilustrativa)

Mulher, de 56 anos, transferiu R$ 4300 para um golpista que se passou por filho dela, após conversa pelo WhatsApp, na tarde desta segunda-feira (26) na Capital. Ela percebeu que foi vítima de estelionato após estranhar a forma de tratamento nas mensagens.

Conforme o boletim de ocorrência, a vítima recebeu mensagem de um número desconhecido, no WhatsApp, que usava a foto de perfil de seu filho, dizendo que precisava fazer uma transferência no valor de R$ 4299,99. O golpista alegou que precisava pagar um fornecedor, e enviou os dados bancários da conta que receberia a transferência.

A vítima efetuou o pagamento, por meio do Pix, no valor de R$ 4300 e, só depois, desconfiou que poderia ser golpe, devido a forma como a pessoa digitava, segundo ela diferente de seu filho. Ao entrar em contato com ele, o rapaz confirmou que não havia pedido dinheiro à mãe. O caso foi registrado como estelionato e fraude eletrônica na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro.

Jornal Midiamax