Polícia

Motociclista que morreu em Dourados voltava para casa após levar a esposa ao serviço

Condutor da Montana tem 20 anos e atravessou preferencial

Marcos Morandi Publicado em 20/07/2021, às 10h37

Motociclista morreu a caminho do Hospital da Vida
Motociclista morreu a caminho do Hospital da Vida - Sidney Bronka

O motociclista Gilmar Benites, de 45 anos, que morreu nas primeiras horas da manhã desta terça-feira (20), voltava para casa, após ter deixado a esposa, Sandra Cardoso, em uma autoescola onde ela trabalha. Ele foi atingido por um GM Montana.

Segundo Sandra, o marido voltava para a residência do casal, no bairro Jóquei Clube, quando foi atropelado pelo condutor da Montana, um jovem de 20 anos, que atravessou a avenida Marcelino Pires.

Equipes do Corpo de Bombeiros e do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) socorreram o motociclista e o encaminharam ao Hospital da Vida, mas ele não resistiu e acabou falecendo durante o trajeto.

Jornal Midiamax