Polícia

Membro de facção criminosa ameaça ex com arma de fogo e acaba preso com drogas e objetos furtados

Celular com vídeo de uma suposta ação do tribunal do crime foi apreendido

Fábio Oruê Publicado em 03/08/2021, às 22h14

'Pescador' é usado para arremessar material ilegal em presídios
'Pescador' é usado para arremessar material ilegal em presídios - Foto: Divulgação/ PM

Um homem de 39 anos foi preso nesta terça-feira (3) após ameaçar a ex-mulher com uma arma de fogo e ser flagrado com drogas e objetos furtados de uma loja, em Dourados. 

De acordo com informações da polícia, a vítima de violência doméstica, uma mulher de 34 anos, relatou aos policiais que durante a manhã seu ex esteve em frente à sua residência com uma arma de fogo e começou a ameaçá-la dizendo que a mataria e tomaria o sangue dela, caso o relacionamento deles não fosse reatado.

O autor foi encontrado em uma residência na companhia de mais dois jovens, de 23 e 25 anos. Em buscas no inteior da casa, foi localizado várias peças de roupas ainda etiquetadas que haviam sido furtadas.

O autor do furto seria um dos abordados que também teria um mandado de prisão em aberto, que assumiu que havia cometido o crime uma loja no centro da cidade.

Além das roupas, a polícia encontrou um tablete pesando 1,1 kg de maconha e um ‘’pescador’’ - objeto confeccionado em garrafa pet, utilizado para arremessar drogas e materiais ilícitos para dentro de estabelecimentos prisionais.

Também foi localizado um aparelho celular que continha mídias de vídeos de um suposto tribunal do crime. Os três assumiram que residência era usada como ponto de venda de drogas, e reuniões de integrantes de uma facção criminosa, onde tramavam crimes, como roubo e furtos e também realizavam reuniões do tribunal do crime.

Os autores foram encaminhados a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), sendo os três autuados em flagrante.

Jornal Midiamax