Polícia

Marcado julgamento de dupla que matou desafeto após surra em conveniência

Crime ocorreu em 2017, em estabelecimento na Avenida Guaicurus

Renan Nucci Publicado em 13/04/2021, às 18h29

None
Foto Ilustrativa

O juiz Carlos Alberto Garcete de Almeida, da 2ª Vara do Tribunal do Júri, agendou para o próximo dia 12 de maio o julgamento de Douglas Henrique Coelho Gomes e Aslan Toledo Teixeira, acusados do homicídio de Elizeu Cordeiro Neto. O crime foi cometido por vingança, após briga em uma conveniência no dia 5 de agosto de 2017, na Avenida Guaicurus.

Consta nos autos do processo que, por volta das 4 horas da manhã da data dos fatos, Douglas e Elizeu iniciaram uma discussão em razão do consumo excessivo de bebidas alcoólicas. Na oportunidade, conforme denúncia oferecida pelo MPMS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul), Douglas deu um soco em um dos amigos de Elizeu, e houve revide.

Douglas foi agredido e ficou com ferimentos leves. O dono do estabelecimento apartou  a briga e o réu foi embora, dizendo que voltaria armado. Com medo, Elizeu foi para a casa de um amigo. No entanto, Douglas sabia o endereço e, por volta das 11 horas da manhã, foi ao local de carro, juntamente com Aslan, que dirigia o veículo. Lá, viram Elizeu na calçada e chamaram por ele.

Quando a vítima se aproximou, Douglas atirou duas vezes e a matou. Em seguida, os dois fugiram. Ambos foram presos e encontram-se aguardando julgamento recolhidos no IPCG (Instituto Penal de Campo Grande).

Jornal Midiamax