Polícia

Imagens vão esclarecer origem de fuga que resultou em acidente com 2 mortes

A Polícia Civil busca imagens de câmeras de segurança para esclarecimento do acidente ocorrido na manhã de sexta-feira passada, no cruzamento da Avenida Guaicurus com a Marginal Bálsamo, em Campo Grande, que terminou com a morte de Jair Fernandes, de 47 anos, e Mário Jorge Pereira, de 54 anos. O caso é investigado na 5ª […]

Renan Nucci Publicado em 08/02/2021, às 18h29

(Foto: Henrique Arakaki, Midiamax)
(Foto: Henrique Arakaki, Midiamax) - (Foto: Henrique Arakaki, Midiamax)

A Polícia Civil busca imagens de câmeras de segurança para esclarecimento do acidente ocorrido na manhã de sexta-feira passada, no cruzamento da Avenida Guaicurus com a Marginal Bálsamo, em Campo Grande, que terminou com a morte de Jair Fernandes, de 47 anos, e Mário Jorge Pereira, de 54 anos. O caso é investigado na 5ª Delegacia de Polícia.

De acordo com o delegado Gustavo Bueno, responsável pelo inquérito, o objetivo é ter acesso às gravações que mostram a abordagem do ex-marido ao veículo Gol em que estavam a ex-mulher dele e um rapaz de 20 anos. O rapaz disse que fugiu com medo de ser baleado pelo ex-marido da moça, fatos que resultaram na colisão com o carro das vítimas.

“A gente está analisando tudo. As equipes estão nas ruas em busca das imagens para que possamos analisar a responsabilidade penal dos envolvidos. Nosso trabalho de investigação está em cima disso agora”, explicou o delegado. Nesta segunda-feira (08), Bueno ouviu uma testemunha dos fatos. “Ela pôde contribuir muito pouco”, afirmou.

A moça envolvida também deve ser ouvida. Conforme apurado, várias versões sobre os fatos surgiram logo após o acidente, e é justamente isso o que a Polícia Civil busca esclarecer. O ex-marido alegou que estava reatando com a mulher e que havia combinado de levá-la a uma agência de emprego naquela sexta, pois ela estava em busca de trabalho.

Ele pontuou que tentou falar com ela por telefone, mas como ela não atendeu, ele foi até a casa dela, onde a encontrou entrando no Gol com o rapaz de 20 anos. O ex se aproximou de moto e tentou conversar com eles, quando o motorista do Gol saiu em alta velocidade. O ex relatou que apenas tentou conversar e não chegou a persegui-los.

No entanto, o motorista do Gol, em sua versão, teria alegado que o homem chegou de moto batendo no vidro do carro e fazendo menção de estar armado. Por este motivo, saiu em alta velocidade, pois temia ser baleado e foi perseguido. Sendo assim, ao cruzar a Avenida Guaicurus, acabou colidindo com o Renault Scénic em que estavam Jair e Mário Jorge, que morreram.

O motorista do Gol foi socorrido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e foi preso em flagrante por homicídio, sendo internado sob escolta policial. A mulher, que não se feriu com gravidade, foi tirada do carro pelo ex e levada de moto à UPA (Unidade de Pronto Atendimento do Universitário). Ela disse que iria terminar com o rapaz do carro, porque estava voltando para o ex.

Jornal Midiamax