Polícia

Homem é preso após atirar contra próprio irmão e ameaçar mãe e sobrinha de 2 anos

Autor teria dito que iria buscar mais munições para “terminar o serviço”

Danielle Errobidarte Publicado em 16/07/2021, às 18h40

None
(Foto: Ilustrativa)

Após discussão em família na tarde desta sexta-feira (16), homem de 29 anos disparou diversas vezes contra seu próprio irmão, de 26, na cidade de Três Lagoas, distante 323 km da Capital. Em seguida, ele teria feito ameaças a outros integrantes da família, incluindo a sua sobrinha, de apenas dois anos e a mãe dos dois.

Segundo boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada e, chegando na residência localizada no Bairro Santa Rita, encontrou perfurações na parede e recolheu um projétil que estava no chão. A vítima informou que teve uma discussão com o autor e, logo após, ele retornou à casa com um revólver, apontando para sua filha, de 2 anos, e para a mãe dos dois.

Em seguida, o homem apontou o revólver para o irmão e disparou várias vezes, até acabar com as munições da arma. Entretanto, a vítima afirmou que conseguiu abaixar e correr, e por isso não foi atingido.

Após os disparos, o autor teria ameaçada o resto da família, dizendo que voltaria “para terminar de acertar as contas com todos”, fugindo do local em seguida. A vítima apontou aos policiais onde fica a residência do irmão.

Os militares encontraram o autor na sala e ele se recusou a ser revistado, além de ter empurrado os policiais. O homem foi algemado e negou ter efetuado os disparos, dizendo que não possui arma de fogo. Ele foi preso e encaminhado à 3ª DP (Delegacia de Polícia) de Três Lagoas. O revólver não foi localizado.

Jornal Midiamax