Polícia

Garoto de 16 anos mata pai com tiro no peito em MS e acaba apreendido em hospital

Menino acusou irmão mais velho pelo assassinato, mas depois confessou o crime

Thatiana Melo e Marcos Morandi Publicado em 26/07/2021, às 08h21

Fernando Alex Figueredo, de 37 anos, morto pelo próprio filho
Fernando Alex Figueredo, de 37 anos, morto pelo próprio filho - Foto: Divulgação

Um adolescente de 16 anos acabou apreendido por matar o pai, Fernando Alex Figueredo, de 37 anos, com um tiro no peito, na cidade de Porto Murtinho, a 454 quilômetros de Campo Grande, neste domingo (25). Ele foi apreendido quando tentava notícias do pai no hospital.

O crime aconteceu por volta das 21 horas deste domingo (25), quando, depois de Fernando ser levado para o hospital da cidade, os policiais foram até a unidade de saúde encontrando o garoto, que disse que estava esperando por notícias de seu pai dizendo que seu irmão mais velho seria o autor dos disparos. 

O garoto levou os policiais até a sua casa e disse que o irmão teria usado drogas quando cometeu o assassinato. Já na residência, uma testemunha afirmou aos militares que o garoto havia cometido o crime.

Ainda de acordo com o site Porto Murtinho Notícias, quando os policiais retornaram ao hospital encontraram o garoto no local, que confessou o assassinato. Ele disse que os pais brigavam muito e, desde quando ele tinha 11 anos, já havia jurado o pai de morte, porque o mesmo batia em sua mãe". 

A arma usada uma pistola cal.22, que foi localizada em cima de um guarda-roupa na casa da vítima. 

Jornal Midiamax