Polícia

‘Presente de Dia dos Pais’: Motorista trancado no porta-malas é resgatado em Campo Grande

Carro seria vendido no Paraguai

Thatiana Melo e Dayene Paz Publicado em 05/08/2021, às 07h45

None
(Henrique Arakaki, Midiamax)

Muito abalado e emocionado é que um motorista de aplicativo, de 46 anos, revelou ao Jornal Midiamax ter renascido ao ser salvo por policiais após ser sequestrado por quatro bandidos e ficar preso no porta-malas do carro em chamas, em Campo Grande, durante a noite de quarta-feira (4), e madrugada de quinta-feira (5).

Ele que trabalha como motorista de aplicativo desde fevereiro contou que foi chamado, por volta das 21 horas desta quarta (4), para uma corrida próximo ao Bosque do Ipês, sendo que, ao chegar, entraram quatro pessoas no carro, entre elas uma mulher.

Já no momento em que entraram, um dos bandidos mandou ele olhar para a frente. "Eles disseram que se eu colaborasse nada iria acontecer". Após andar por duas quadras, trocaram de volante e vendaram os olhos do motorista, mas logo em seguida o pneu do Gol furou e ele foi obrigado pelos criminosos a trocar o pneu.

Segundo a vítima, ele demorou 30 minutos trocando o pneu do carro e depois foi colocado no porta-malas, e de lá ouvia os bandidos fazendo ligações oferecendo o carro dele, que seria levado para o Paraguai.

Em um dado momento, a vítima ouviu barulhos da polícia e teve início uma fuga, mas o veículo acabou batendo em um canteiro central  e começou a pegar fogo, com a vítima trancada. “Estava com medo de morrer queimado”, disse o motorista. Ele, então, colocou a mão para fora do carro e chamou a atenção dos militares que entraram no veículo em chamas e conseguiram salvar o homem.  “Ganhei um presente de Dia dos Pais”, disse o motorista. 

Jornal Midiamax